PAISAGEm

Paisagem
Paisagem
1 / 6
All Projects

Paula Diogo imaginou o ciclo SOBRE LEMBRAR E ESQUECER para falar sobre o modo como a memória opera nas nossas vidas. PAISAGEM, em co-criação com Tónan Quito e o colectivo Foguetes Maravilha, é o segundo momento deste ciclo iniciado em 2018 com o espectáculo com o mesmo nome apresentado no Teatro Maria Matos.

Uma conversa sobre duas peças curtas de Harold Pinter serviu de ponto de partida para este espectáculo. Em ambas, um casal de meia idade dialoga (ou monologa) sobre episódios que só um deles parece recordar ou que ambos recordam de forma completamente diferente. Estas peças serviram de mote para falar sobre aquilo que mantém as pessoas juntas ao longo dos anos e como se estabelecem as relações de intimidade e interdependência.

A partir da ideia original para PAISAGEM e tendo em consideração o actual contexto pandémico, dois formatos do espectáculo foram produzidos e estão disponíveis para circulação, procurando responder tanto a uma normal programação presencial, em sala, como a uma programação adaptada para formato online.

O espectáculo PAISAGEM, estreou em Março de 2021 no Teatro do Campo Alegre (TMP Sala online), foi concebido para implantação em sala de teatro, convencional ou estúdio e está disponível para circulação com uma equipa de 6 pessoas.

O vídeo PAISAGEM procura proporcionar uma experiência visual distinta de um simples registo vídeo do espectáculo. Oferecendo um ponto de vista íntimo e detalhado, o filme convida o espectador a uma deambulação pelo universo das duas personagens, e ao mesmo tempo propõe relações de proximidade e cumplicidade que evocam a poética própria do discurso cinematográfico num objecto híbrido.


criação Paula Diogo, Renato Linhares e Tónan Quito, em diálogo com Alex Cassal e Stella Rabello texto Renato Linhares planificação vídeo João Bento, Renato Linhares e Stella Rabello interpretação Paula Diogo e Tónan Quito desenho de luz Wilma Moutinho espaço cénico Fernando Ribeiro criação sonora João Bento figurinos Miss Suzie construção de cenografia Josué Maia registo fotográfico João Tuna  registo vídeo e edição a-tundra Filmes produção Vanda Cerejo e Carlos Alves co-produção Má-Criação, Teatro Municipal do Porto e Centro Cultural de Belém residência de co-produção O Espaço do Tempo

Projeto financiado pela República Portuguesa – Cultura / DGARTES-Direção Geral das Artes.

apoio Companhia Olga Roriz, Causas Comuns, Desvio/Gui Garrido

agradecimentos Bárbara F. Fernandes, Daniela Ribeiro, Daniel Worm, Diogo Melo, Doca, Estelle Franco, Frame Colectivo, Joana Guimarães, Lina Santos, Mariana Lima, Mariana Ricardo, Martim Pedroso, Masako Hattori, Nuno Domingues (hairstyle), Nuno Gil, Sérgio Milhano (Ponto Zurca), Sónia Baptista, Teresa Oliveira

O trabalho de Paula Diogo conta com o apoio da apap – FEMINIST FUTURES – projeto co-financeado pelo Programa Europa Criativa da União Europeia.

A Má-Criação é uma estrutura apoiada pela Câmara Municipal de Lisboa e acolhida pelo Espaço Alkantara.

ESTREIA

Teatro Municipal do Porto (Porto), Março 2021

TEASER